18.3.08

Hoje de manhã estava a dormir dentro da estação, por detrás de um banco. É uma questão de tempo até um “abrunho” se incomodar e chamar o canil para o recolher.

Se sabem de um cantinho para a manter até adopção ou um dono responsável, entrem em contacto comigo.

 

 

A cadelinha parece-se muito com uma cocker americana, malhada de branco e castanho, muito meiga e com uns olhinhos muito tristes. Insiste em ficar na estação e segue as pessoas para ver se uma delas é o dono.

 

Ainda é jovem e parece ser obediente pois senta-se quando lhe pedimos.

 

 

A adopção implica uma entrevista e a assinatura do termo de responsabilidade. Preferia que fosse para a margem sul (almada seixal) ou zona central de lisboa, mas, MAIS IMPORTANTE que isso é ela ter um dono responsável que a estime e a faça sorrir. Sim, os cães também sorriem :D 

Data 9 de março
zona: margem sul
contacto para adopção Rute: 96 515 46 16
hanabi_pt@yahoo.com

Agradeço que divulguem
Bom trabalho
Rute

cocker train cópia.jpg

link do postPor *, às 23:30 

7.3.08


A pequena Gui foi deixada à porta do canil, pele e osso, com uma perna ferida, em carne viva e já a gangrenar.
Foi imediatamente internada e iniciou o processo de combater a subnutrição e a infecção na pata, para poder ser operada.
Terá que ficar sem a sua perna esquerda. É impossível recuperar o que já está morto.
Mas, completamente adaptada, a Gui já anda nas suas três patitas, como se aquela já nem existisse.
E esta cadelinha parte o coração a qualquer um. Não só pelo seu estado e pelo que deve ter sofrido, mas também porque é um ser muito dócil, meigo, calmo e pacífico, que procura constantemente a companhia de quem lhe dê carinho. Fiel como não seria de esperar.
E é de mimo, protecção e uma casa que a Gui precisa, pois foi hoje mesmo operada para amputar a perninha.
E agora vem o grande problema, pois ela não pode regressar ao canil, nem pode ficar eternamente internada. Daqui a 8 dias terá alta e é imprescindível que exista uma família temporária disposta a acolhê-la.
A acolher uma cadela de tamanho pequeno, que é um doce e que apenas precisa que a tratem com o respeito que merece.

Contactos:
Natália Correia 915133063 / 964530419
Sofia Gonçalves 963698413
Susana Correia 938462700
info@apca.org.pt
www.apca.org.pt
tags: ,
link do postPor *, às 15:16 



Olá! O meu nome é jasmim, porque sou uma verdadeira flor, daquelas muito bonitas. Infelizmente a vida não me tem sorrido, já sofri muito mas mesmo muito. Não sei bem se já tive algum dono, mas fui encontrada à porta de uma escola, junto com mais 5 amigas. Felizmente para mim e para as outras meninas, uma senhora reparou em nós, principalmente porque eu tinha uma massa estranha ao meu corpo, pendurada em mim.
O meu destino? Fui levada para a APCA onde fui logo tratada, fui operada de urgência e retiram-me um grande tumor. Agora tenho que fazer um tratamento que, segundo os senhores de bata branca, me deixa abatida e a precisar de sossego e descanso.
Acho que se chama quimioterapia e vou ter que fazê-lo durante um mês, por isso pedia que alguma alma caridosa me levasse para casa, pelo menos até ao final dos tratamentos, para eu poder melhorar!
Sou uma cadela de tamanho pequeno, com cerca de 6 kg., muito sossegada, bem comportada, não faço as necessidades em casa e podem acreditar que sou mesmo uma linda flor!

Por favor ajudem-me, mesmo que seja por pouco tempo, não se irão arrepender e eu ficarei agradecida para sempre!

Contactos:
Natália Correia 915133063 / 964530419
Sofia Gonçalves 963698413
Susana Correia 938462700
info@apca.org.pt
www.apca.org.pt
tags: ,
link do postPor *, às 10:15 

19.2.08



Esta é a Patusca, uma cadelinha sénior, já surda e com problemas de visão.
A Patusca é uma das cadelinhas resgatadas do ex-abrigo de Vila Franca de Xira, já sofreu muito na sua vida mas nem isso a fez deixar de ser uma cadelinha meiga e carinhosa.

A Patusca está neste momento recolhida num espaço comum, junto com outros cãezinhos também recolhidos do mesmo abrigo, tem uma caminha para dormir e alimentação mas falta-lhe atenção, algum conforto que a sua idade e vida sofrida já merecem e, principalmente, falta-lhe quem possa tomar conta dela no que toca a medicação...

 

A Patusca necessita de fazer um tratamento à erliquiose (febre da carraça) mas, pelas condições descritas atrás, não existem condições para fazer o mesmo.

Procuramos uma família caridosa que possa ficar com a Patusca se possível para sempre, mas se for somente para o período o tratamento já seria óptimo.

Durante esse período responsabilizamo-nos com todos os custos inerentes: comida, tratamento, transportes,...

A Patusca ficará eternamente agradecida a quem a possa ajudar

contacto:
Anabela Gonçalves
919853960

link do postPor *, às 13:20 


 
C@ntact@
Blog dos Bichos
Local: PORTUGAL
Pet Sitting e Hospedagem

Apoio Domiciliário a Animais de Estimação e Hospedagem
Garantimos cuidados e mimos aos seus amigos de estimação durante a sua ausência.
Pet sitting e dog walking em Oeiras, Amadora, Lisboa, Sintra e Odivelas
Contactos:
petsitting.ms@gmail.com
915 104 261
www.facebook.com/mspetsitting

Alojamentos que aceitam animais

Apartamentos pet friendly (que aceitam cães, gatos,...)
► Apartamento T1 (para 4 pessoas) no Edifício Dunas Park, Manta Rota, a 50 mts da praia e com vista para o mar.
► Apartamento T2 (para seis pessoas), no centro de Vila Nova de Cacela, a 1,7 km da praia.
www.facebook.com/mantarota
Clique na imagem para mais informações

arquivos
RSS
blogs SAPO