11.4.08


É um daqueles problemas que pode parecer distante para quem vive nas grandes cidades. Mas nas zonas rurais, a utilização de venenos para matar animais indesejados ainda é relativamente comum. A prová-lo está a naturalidade com que é atendido alguém que numa drogaria pede um produto para matar uma raposa.


A lei tem vindo a tornar-se mais restritiva. Impuseram-se regras para quem vende e, nos últimos anos, largas centenas de produtos fitofarmacêuticos foram sendo retirados do mercado por razões de segurança para a saúde humana e o ambiente. Contudo, subsistem falhas no controlo, tanto na comercialização como na utilização.

 

Com câmara oculta, fomos a duas lojas e pedimos que nos vendessem um produto para matar raposas que supostamente nos teriam comido aves de capoeira. Em ambas as lojas, não só nos venderam pesticidas, como nos explicaram como fazer um isco envenenado. Sem rodeios. A explicação é crua: "põe uns bocados de carne, compra um insecticida forte e injecta-o na carne. Depois a raposa come e morre." No rótulo de um dos produtos vendidos sobressaem os símbolos de tóxico e perigoso para o ambiente.

O Programa Antídoto luta contra esta aparente normalidade, desde 2004. Organizações não-governamentais e entidades públicas como o Serviço de Protecção da Natureza da GNR procuram alertar consciências, mudar mentalidades, denunciar casos de mortandade como o de 2 abutres negros e 8 grifos encontrados já cadáveres numa herdade na região de Castelo Branco no Verão de 2007.

 

tags:
link do postPor *, às 00:45 

 
C@ntact@
Blog dos Bichos
Local: PORTUGAL
Pet Sitting e Hospedagem

Apoio Domiciliário a Animais de Estimação e Hospedagem
Garantimos cuidados e mimos aos seus amigos de estimação durante a sua ausência.
Pet sitting e dog walking em Oeiras, Amadora, Lisboa, Sintra e Odivelas
Contactos:
petsitting.ms@gmail.com
915 104 261
www.facebook.com/mspetsitting

Alojamentos que aceitam animais

Apartamentos pet friendly (que aceitam cães, gatos,...)
► Apartamento T1 (para 4 pessoas) no Edifício Dunas Park, Manta Rota, a 50 mts da praia e com vista para o mar.
► Apartamento T2 (para seis pessoas), no centro de Vila Nova de Cacela, a 1,7 km da praia.
www.facebook.com/mantarota
Clique na imagem para mais informações

arquivos
RSS
blogs SAPO